1. Skip to Menu
  2. Skip to Content
  3. Skip to Footer

UEM enaltece feitos do Prof. Firmino Mucavele

Firmino-MucaveleA UEM realizou, na manhã de ontem, em Maputo, velório em homenagem ao académico moçambicano, Prof. Firmino Mucavele, falecido a 19 de Maio corrente, na África de Sul, vítima de doença.
Firmino Mucavele era docente da Faculdade de Agronomia e Engenharia Florestal da UEM (FAEF) chegando a ocupar o cargo de director desta faculdade entre os anos de 1994 e 1998.
Em elogio fúnebre, o Reitor da UEM, Prof. Doutor Orlando Quilambo, destacou as qualidades de Mucavele, afirmando tratar-se de um homem simples e de um profissional dedicado.
O Reitor frisou que para a UEM não é facil calcular o que significa a perda do professor Mucavele, dada as suas destacáveis e incomparáveis qualificações, virtudes e como homem da academia e do saber.
Afirmou que Mucavele foi um profissional que se firmou por mérito próprio numa multiplicidade de funções em diversas áreas do saber que o ajudaram a construir a educação, em geral, e sector agrário da UEM, em particular, como técnico, pensador, pedagogo e académico.
Disse que como docente, Firmino Mucavele evidenciou-se pelo seu ideal de formação com qualidade e rigor, disciplina, humor, companheirismo e dinamismo. Referiu que foi um docente pilar que se envolveu e impulsionou várias áreas do desenvolvimento agrário com ênfase na economia agrária, sempre com visão no futuro.
"Muitos docentes e profissionais da área de economia e extensão agrária da UEM são produto da visão e concepção do Professor Firmino Mucavele", disse.
O Prof. Doutor Firmino Mucavele foi durante 12 anos Coordenador do grupo de assessores da bancada parlementar da Frelimo na Assembleia da República.
Na ocasião, o Vice-Chefe da bancada da Frelimo, Sérgio Pantie, enalteceu o contributo de Mucavele para o desenvolvimento e crescimento da bancada. Destacou que Mucavele sabia escutar, reflectir e fazer análise de cada situação que lhe era colocada resultado da sua larga experiência em matérias de desenvolvimento.
"Calou-se a voz daquele que pela sua experiência de liderança e sua bagagem académica era uma fonte inesgotável de ideias, um apoio importante no trabalho da bancada parlementar e dos deputados da Frelimo", disse.
O Professor Firmino Mucavele foi durante 32 anos docente da Faculdade de Agronomia e Engenharia Florestal da UEM (FAEF). Intervindo na sua qualidade de director desta Faculdade, o Prof. Doutor Tomás Chiconela, explicou que no dia-a-dia com os colegas de trabalho Mucavele demonstrou ter sido exemplo de um profissional íntegro com sólidos e profundos conhecimentos técnicos que não se poupou, disponibilizando-se em prol do desenvolvimento agrário do país.
Entretanto, falando em representação da família, Celso Firmino (filho mais velho), disse que em vida, Firmino Mucavel sempre foi um pai presente, amigo e conselheiro. "Mesmo longe a sua imagem estará presente nas nossas lembranças", frisou.
O velório contou com a presença de individualidades da arena política nomeadamente a Presidente da Assembleia da República, Verónica Macamo, a Chefe da Bancada do Partido Frelimo, Margarida Talapa, o Presidente do Tribunal Administrativo, Machatine Munguambe, entre outros.
Após o velório os restos mortais do Professor Firmino Gabriel Mucavel foram a enterrar ainda ontem no Cemitério de Lhangue, em Maputo. Nasceu a 16 de Janeiro de 1957 em Maputo, Moçambique. Era Professor Associado da Universidade Eduardo Mondlane (UEM) onde trabalhava desde 1982. Firmino Mucavel deixa viuva e 5 filhos.