1. Skip to Menu
  2. Skip to Content
  3. Skip to Footer

Universidades africanas debatem o empreendedorismo no continente

auu-nhambiueRepresentantes de 80 instituições de ensino superior do continente africano estão reunidos, em Maputo, de hoje até ao dia 31 de Março, para abordarem a questão do empreendedorismo, liderança e desenvolvimento nas instituições de ensino superior do continente.
Trata-se da 9ª Oficina sobre a Capacitação dos Lideres das Instituições de Ensino Superior de África, e decorre sob o lema "A Universidade Africana Empreendedora".
Para o Ministro da Ciência e Tecnologia, Ensino Superior e Técnico Profissional, Prof. Doutor Jorge Nhambiu, as universidades africanas têm actualmente o desafio de formar empreendedores, buscar recursos financeiros, fazer a sua internacionalização, investigar mais e melhorar a sua classificação nos rankings.
Por isso, o Ministro disse esperar que as reflexões no âmbito deste workshop tragam à luz as características de uma universidade empreendedora, para que posteriormente as universidades possam fazer uma introspeção e saber se são ou não empreendedoras e, se podem ou não prover soluções aos problemas existente na sociedade.
De acordo com o ministro, existe uma pressão no continente africano para a necessidade do aumento do acesso ao ensino, o acréscimo da mobilidade académica entre as instituições de ensino, a melhoria de parcerias com a indústria e parceiros não-governamentais, bem como, a diversificação das fontes de financiamento às instituições de ensino superior.
Todas estas pressões internas e externas que precisam de respostas, no seu entender, levam a questão sobre quais são os principais desafios ao modelo tradicional das universidades.
"É importante que, uma vez identificado o modelo que resulta numa universidade empreendedora, se faça uma reflexão sobre a visão e missão dessa universidade, bem como sobre as actividades que a universidade desenvolve de forma a identificar áreas de independência que mereçam atenção futura", disse.
A nona edição do workshop sobre liderança e desenvolvimento é uma organização da Associação das Universidades Africanas (AAU), em parceria com a Universidade Eduardo Mondlane.
Na ocasião, o representante do Secretario Geral da Associação das Universidades Africanas, E. Ehile, apontou três áreas cruciais que deverão merecer uma atenção especial neste workshop, nomeadamente a melhoria do sistema educacional no continente, o desempenho da liderança nas universidades e o aumento da ligação entre a universidade, as instituições governamentais e o sector privado.
auu plateiaSegundo ele, no quadro da missão da União Africana (UA), as universidades do continente devem trabalhar juntamente com a AAU para a melhoria da educação em África, com particular enfoque para o ensino nas instituições de ensino superior, através de workshops e debates de temas importantes.
Entretanto, o Reitor da UEM, Prof. Doutor Orlando Quilambo, anfitrião e Vice-Presidente da Associação das Universidades Africanas, clarificou que o evento visa munir os reitores, pró-reitores e os demais gestores de instituições africanas de ensino superior de conhecimentos que lhes permitam tornar as suas universidades mais empreendedoras.
Segundo o Reitor, a situação global actual exige que as universidades saiam do modelo tradicional para irem ao encontro das necessidades da sociedade, através da inovação.
Participam da 9ª edição do workshop sobre Liderança e Desenvolvimento 20 Reitores, Vice-Reitores, Pró-Reitores, Directores e dirigentes a diversos níveis de instituições de ensino superior de África.