1. Skip to Menu
  2. Skip to Content
  3. Skip to Footer

UEM acolhe curso sobre “Gestão pesqueira baseada em ecossistemas”


Representantes de instituições de pescas e académicos de países africanos estão a ser capacitados sobre gestão pesqueira baseada em ecossistemas. O curso, co-organizado pelo Centro de Pesquisa e Tecnologia do Mar (CePTMar) em parceria com a Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO) é destinado aos formadores de países como Angola, Madagáscar, Moçambique, Quénia, Namíbia, Seychelles e Tanzânia.
Na abertura do evento, a Vice-Reitora Académica da UEM, Prof. Doutora Amália Uamusse, lembrou aos presentes que o curso tem lugar numa altura em que o mundo enfrenta uma crise alimentar e energética, impostos pelos desafios das mudanças climáticas e pela crescente demanda pelos recursos.
Segundo ela, estatísticas pesqueiras têm reportado redução dos mananciais em muitos países, que é muitas das vezes atribuída a sobre-exploração e a degradação dos ecossistemas por uso de párticas de pesca não adequadas. Por isso, considera o curso oportuno, porquanto visa elevar a capacidade de gestão das pescarias, numa mudança de paradigma de uma gestão focalizada no controle de esforço de pesca, para uma nova visão de gestão das pescarias que toma em consideração os ecossistemas que suportam as pescarias, a sua estrutura e funcionamento.
“Existe uma relação intrincada entre os recursos e o meio que deve ser compreendida para uma gestão sustentável dos mesmos. Isto coloca um desafio às universidades e instituições de investigação”, frisou.
Entre os tópicos ministrados constam a pesquisa pesqueira para gestão, incluindo o apoio à colheita de dados com o barco de investigação Norueguês, R/V Dr. Fridtjof Nansen, visando capacitação em geração de conhecimento científico e o uso desse conhecimento para tomada de decisão; gestão pesqueira baseada em evidências e o apoio à implementação da abordagem ecossistêmica às pescas, incluindo a criação de ciclos funcionais de gestão pesqueira; e o desenvolvimento de capacidade em ciência e gestão.
O curso decorre em duas fases, a primeira a ter lugar de 22 a 26 de Agosto corrente, cujo objectivo principal é capacitar os futuros formadores em gestão das pescarias baseadas em ecossistemas, e o segundo, a ter lugar nos dias de 29 de Agosto a 1 de Setembro do corrente ano, terá como objectivo principal capacitar os formadores em ferramentas de implementação e monitoria de sistema de gestão das pescarias baseadas em ecossistemas.

pescarias