1. Skip to Menu
  2. Skip to Content
  3. Skip to Footer

UEM reitera sua ligação ao sector empresarial

coloquio-ep01

A UEM continuará a orientar-se na perspectiva de desenvolvimento de acções que pautem pela ligação entre a actividade de investigação científica, o sector produtivo e as comunidades, porque é através da pesquisa científica que as Universidades têm dado o seu contributo na elevação da qualidade de vida, a garantia nesse sentido foi dada pelo Reitor da UEM, Prof. Doutor Orlando Quilambo, na abertura do Colóquio Internacional sobre o Sector Empresarial do Estado, organizado pela Faculdade de Direito, nos dias 20 e 21 de Setembro.
Segundo o Reitor, o Sector Empresarial do Estado representa um campo de pesquisa ainda fértil que pode beneficiar-se de muitos estudos numa perspectiva multidisciplinar, salientando que com o conhecimento produzido, o Sector Empresarial do Estado estará em condições de corresponder à missão de servir melhor a sociedade, prestando melhores serviços, produzindo riqueza para o erário público por via de transferência dos dividendos face aos lucros.
O Reitor disse aos presentes que a instituição que dirige está a desenvolver esforços no sentido de melhorar a qualidade do corpo docente e técnico administrativo, apetrechar as Faculdades, Escolas e Centros de Investigação com recursos e meios pedagógicos que propiciem um ambiente académico adequado, implementar as linhas de investigação inscritas na sua Política de Investigação e diversificar a oferta de cursos quer a nível da graduação, quer a nível da pós-graduação.
Por sua vez, a Presidente do Conselho de Administração do Instituto de Gestão das Participações do Estado (IGEPE), Drª Ana Coanai, fez saber que actualmente a carteira do IGEPE comporta 12 empresas públicas, 18 empresas maioritariamente participadas e outras 12 em que o Estado está em posição minoritária. A fonte mencionou diferentes instrumentos de gestão que tem vindo a ser introduzidos nas empresas do Sector Empresarial do Estado por forma a melhorar o contributo destas e adequá-las aos padrões internacionais. Entre elas, constam o Modelo de Governação Corporativa e a Estratégia de Investimento do Sector Empresarial do Estado.
Fez notar que decorrem actualmente a restruturação financeira e operacional de algumas Empresas participadas pelo Estado como a EDM, PETROMOC, LAM, TMCEL, esta última que surge como resultado da fusão entre a TDM e a Mcel. No âmbito deste mesmo processo foram retiradas da carteira do IGEPE as empresas Correios de Moçambique e a Empresa Moçambicana de Minas, através da extinção. A dirigente deu a saber que o IGEPE contribui com cerca de 6.5 mil milhões de meticais ao erário público.
A realização do Colóquio Internacional sobre o Sector Empresarial do Estado enquadra-se na divulgação e partilha com a sociedade dos resultados da investigação realizada pelos estudantes do curso de Doutoramento da Faculdade de Direito da UEM. O evento decorreu sob lema "Sector Empresarial do Estado em Busca da Felicidade do Cidadão".

coloquio-ep02

 

deutsche porn watch izmir rus escort kamagra php bypass shell okey oynagabilesohbetpornbahiscomhd film izleyabancı dizi izleankara evden eve nakliyatistanbul evden eve nakliyatistanbul nakliyatevden eve nakliyatankara evden eve nakliyatankara evden eve nakliyatAnkara evden eve nakliyatbuca escortbuca escortizmir escortantalya escortdenizli escortankara escortKoRehberidikmen evden eve nakliyat #yaslikurt#betsmovebabes of london Hack haber instagram hackleme sitesi Hack forum