1. Skip to Menu
  2. Skip to Content
  3. Skip to Footer

UEM debate Estratégia de Educação Inclusiva

dra-ensino-inclusico-1A UEM promoveu hoje (30/10), em Maputo, o seminário de apresentação da Estratégia de Educação Inclusiva da UEM 2018-2022, aprovado por Deliberação Nº 25/CUN/2017, de 7 de Dezembro pelo Conselho Universitário.
Trata-se de um instrumento que visa promover o bem-estar do estudante com necessidades educativas especiais ao longo do seu percurso académico de modo a desenvolver-se, integral e harmoniosamente, na aquisição da aprendizagem, na produção de conhecimento científico e na inserção socioprofissional.
Na abertura do encontro, o Director do Registo Académico da UEM, frisou que a aprovação e a implementação da Estratégia de Educação Inclusiva bem como a instalação do Serviço de Apoio ao Estudante com Necessidades Educativas Especiais são uma demonstração clara de que a UEM está a levar a sério as preocupações institucionais sobre estudantes com necessidades educativas especiais, que inclui a construção de um centro estudantil cuja 1ª pedra foi lançada, recentemente.
Nos últimos anos, tem vindo a crescer a número de estudantes com necessidades educativas especiais que ingressam na UEM, passando de 5, em 2010, para 42 que este ano ingressaram à UEM.
Segundo a DRA, a elaboração da Estratégia de Educação Inclusiva da UEM obedeceu a auscultação de docentes e estudantes com necessidades educativas especiais que apontaram para questões como a falta de recursos humanos adequados para a educação inclusiva; materiais e equipamentos didáticos insuficientes; espaços e regimes de aprendizagem inapropriados; funcionamento ineficiente dos actuais serviços de apoio ao estudante; regulamentos, planos e editais e demais documentos normativos excludentes, entre outros aspectos.
Desde 2014, a UEM, através da Faculdade de Educação, lecciona o curso de Licenciatura em Língua de Sinais de Moçambique. A Dra Rozalina Zamora, da FACED, apontou algumas boas práticas desenvolvidas por aquela unidade no âmbito das suas actividades de extensão como a realização de estágios pelos estudantes em locais como a Escola Secundária Josina Machel, na Escola de Educação Especial número 1 e na Escola Comunitária da ADEMO, entre outros.
Além de apresentar a Estratégia de Educação Inclusiva, o seminário serviu para analisar as finalidades do Serviço de Apoio ao Estudante com Necessidades Educativas Especiais, apreciar a proposta de criação de Núcleos de Apoio ao Estudante com Necessidades Educativas Especiais nas Faculdades, Escolas e Departamentos.
O evento contou com Directores-adjuntos para graduação das Escolas, Centros e Faculdades, Chefes de Registo Académico, Directores dos Cursos de Ensino à Distância, entre outros.

dra-ensino-inclusico-2

kamagra php shell download php bypass shell bedava jigolo jigolo kirala jigolo sitesi olgun bayanlar jigolo sitesi jigolo olmak istiyorum jigolo ilanı