1. Skip to Menu
  2. Skip to Content
  3. Skip to Footer

Rainha dos Belgas destaca o papel das universidades na implementação dos ODS

rainha-belgaAs universidade desempenham um papel importante na consciencialização, divulgação e implementação dos Objectivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), porquanto todos os intervenientes têm a necessidade de utilizar dados qualitativos e quantitativos para medir os progressos alcançados, defendeu hoje (06/02), a Rainha dos Belgas, Matilde D-Udekem.
Matilde D-Udekem que se encontra, em Maputo, no âmbito de uma visita que efectua ao nosso país proferiu, no Campus Principal da UEM, uma palestra sobre os Objectivos de Desenvolvimento Sustentável.
Além da importância do papel da academia nos ODS, a Rainha dos Belga falou da necessidade do investimento na educação, saúde, saneamento, empoderamento das mulheres e a equidade do género.
Defendeu a necessidade de equilíbrio entre o crescimento económico e o investimento social. Contudo, reconheceu que com recursos limitados é dificil para qualquer país escolher entre as necessidades de curto e de longo prazo. Nesse sentido, apelou que além dos investimentos imediatos as políticas devem estar concentradas na abordagem estratégica de longo prazo.
A Rainha lembrou que o mundo está cada vez mais interconectado e interdependente, por conseguinte, a agenda 2030, deve basear a sua abordagem na conexão entre paísese e regiões, cidades e zonas rurais, dando ênfase o combate a pobreza, a fome e o estabelecimento da paz.
Reconheceu ser complicado abordar as desigualidades sem um crescimento sustentável, sem uma melhor qualidade de educação e saúde." Portanto, há necessidade de acção para implementar as ODS tendo contas todas estas dimensões", concluíu.
Por seu turno, o Reitor da UEM, Prof. Doutor Orlando Quilambo, frisou que os centros do conhecimento, como é o caso da UEM, não estão alheios aos Objectivos de Desenvolvimento Sustentável, particularmente, no que concerne a assegurar a educação inclusiva de qualidade e equitativa e promover oportunidades de aprendizagem ao longo da vida para todos.
rainha-mr
Afirmou que a UEM consciente de melhorar os desequilíbrios das relações de género entre homens e mulheres tem vindo a incluir nos seus Planos Estratégicos, desde 1999, acções concretas de promoção da igualdade do género. Com efeito, destacou o crescimento do universo dos estudantes do sexo feminino na universidade.
No âmbito das políticas estruturantes, segundo Quilambo, a UEM criou, em 2005, a Escola Superior de Ciências Marinhas e Costeiras de Quelimane (ESCMCQ) e consolidou centros de investigação entres eles a Estação de Biologia Marítima de Inhaca (EBMI) com o propósito de, entre outros, desedenvolver e ministrar cursos de programas de graduação, pós-graduação e de curta duração sobre o mar e zonas costeiras, realizar pesquisas e actividades de extensão multidisciplinares com ênfase nos aspectos de protecção, conservação, utilização e exploração sustentável de zonas costeiras.
A UEM e a Bélgica assinalaram, recentemente, 10 anos de cooperação que resultou na formaçao de 11 Doutores e 25 Mestres.

rainha-visita

 sakarya escort sakarya escort sakarya escort sakarya escort sakarya escort sakarya escort webmaster forum php shell indir افضل شركات الفوركس المرخصة و الموثوقةkonya escortbalıkesir escorthttps://www.promosyonbank.com/https://www.promosyonbank.com/betistزراعة الشعر في تركيازراعة الشعر في تركياkamagra1xbet girisaydın escorttarsus escortşişli escortsilivri escortselçuklu escortavcılar escort antalya escort antalya escort antalya escort halkalı escort anadolu yakası escort beylikdüzü escort fındıkzade escort atakoy escort findikzade escort findikzade escort şişli escort zort domuz tavuk