1. Skip to Menu
  2. Skip to Content
  3. Skip to Footer

Cidália Chaúque defende mudança de mentalidade nas acções de Igualdade de Género

sgenero-01A igualdade de género e o bem-estar do povo moçambicano dependem, de entre vários factores, da mudança de mentalidade no que respeita as formas de relacionamento entre homens e mulheres no mesmo espaço, na comunidade, na família e em casa, sustenta a ministra do Género, Criança e Accão Social, Cidália Chaúque.
A governante, que falava hoje (27 de Novembro), em Maputo, na Gala de abertura da 6a Edição da Semana de Género na Universidade Eduardo Mondlane, advogou que a essa mudança de mentalidade depende muito da forma como ocorrem os processos de socialização, incluindo o sistema de ensino e aprendizagem.
Reafirmou o empenho do governo na adopção e implementação de instrumentos orientadores de planificação nacional com uma forte dimensão de género. “Estamos firmes no combate as práticas sociais nocivas que violam os direitos humanos tais como: a violência baseada no género, os casamentos prematuros, abuso sexual, entre outras”, disse Chaúque, acrescentado que tal só será possível com acções e medidas de prevenção e combate apostados na componente de inclusão de todos, em particular, dos homens nesta luta.
Num outro momento da sua alocução, Cidália Chaúque encorajou a UEM a prosseguir o caminho em prol da igualdade e equidade de género e na promoção de acções efectivas de não à violência.
sgenero-02Para a Vice-Reitora Académica da UEM, Profª. Doutora Amália Uamusse, as comemorações da Semana de Género devem constituir para todos, um momento de reflexão e análise ampla do envolvimento e liderança masculina nas várias iniciativas de prevenção e combate da violência que retarda o alcance do desenvolvimento em todas as vertentes.
Uamusse fez saber que com o intuito de dar maior celeridade e dinamismo aos processos de integração das temáticas de género na vida da UEM, neste momento, dentre outras acções, decorre a elaboração da “Estratégia de Género da UEM”, um documento orientador que irá permitir uma intervenção mais articulada de todos os actores da comunidade universitária.
“Estas comemorações simbolizam a priorização do tratamento da temática do género na UEM, facto consubstanciado pela integração da iniciativa no calendário académico”, disse.
Por seu turno, a representante da ONU Mulheres, Marie Laetitia Kayisire, notou que, não obstante os esforços conjugados entre o governo e os seus parceiros para eliminar a violência e os desequilíbrios de género, ainda prevalecem diversas práticas nocivas contra mulheres e raparigas.
Kayisire referiu que, num país em desenvolvimento, é importante abordar francamente as questões de desigualdades e violências baseadas no género, e por via disso, nivelar as realidades sociais, políticas e económicas entre homens e mulheres.
sgenero-03“Para isso é essencial que todos os membros da sociedade trabalhem em conjunto, pois, só assim podemos acelerar o desenvolvimento do país”, disse.
A Semana de Género, um espaço onde a comunidade universitária partilha e discute resultados de pesquisa sobre género, é organizado pela Centro de Coordenação dos Assuntos do Género da UEM (CECAGE), em coordenação com a Rede HOPEM, ONU Mulheres, MenEngage Africa e a Embaixada da Suécia, sendo que decorre até 01 de Dezembro, sob o lema “Não deixar ninguém para trás: Acabar com a violência contra mulheres e raparigas”.
Este ano, a iniciativa coincide com a comemoração dos 16 Dias de Activismo na luta contra a Violência praticada contra Mulher, que decorre de 25 de Novembro à 10 de Dezembro de cada ano, instituído pelas Nações Unidas e que visa mobilizar acções para o combate à violência contra a mulher.
Vários momentos corporizaram o evento sendo de destacar o lançamento da campanha “Eles por Elas”; o lançamento do relatório sobre Homens e Igualdade de Género (IMAGES) e Masculinidades em contextos urbanos de Pós-conflito; o lançamento do Simpósio Internacional MenEngage a realizar-se em 2018, acção que vai reforçar as intervenções já existentes, com vista ao envolvimento do homem na luta contra a violência contra a mulher e a rapariga.

sgenero-04

söve likit izmir escort porno porno izle porno porno izle sikiş maltepe escort ataşehir escort pendik escort maltepe escort